Humanos não tem garras

5.-Crianca-e-Leao

Humanos não tem garras, não tem presas, tem pele fina e pelada, possuem uma visão de pouco alcance, ouvidos não muito eficientes, olfato apenas para o que está a poucos metros. Somos mais frágeis que os filhotes de muitos outros mamíferos.

Nossa força está no intelecto, nossa inteligência é tão voraz que desafiamos a gravidade, criamos as mais belas músicas! Mas também desafiamos a criação, a natureza do equilíbrio do local onde vivemos, nós quebramos ciclos.

Sem as presas de um tigre e sem força de um elefante um único humano, armado de sua cultura é capaz de matar muito mais que qualquer predador conhecido.

Enquanto a estrutura frágil humana parece dizer:  era para haver paz.

Ainda que não em total comunhão com a criação, impossível quando dependemos de outras vidas para nos servir de alimento e para vivermos. Nossa natureza, nossa estrutura nos diz a cada dia como não é necessário violência, força física para prosperar.

A sabedoria da criação presente em nossos corpos lamentavelmente é ignorada pela ganância tão humana criada por nós em nossas mentes.

A violência vem a nós em desastres, tragédias, guerras, sofrimento, vistos através de grandes criações tecnológicas, quando a mais bela de todas é ignorada. Nossa própria criação. A vida.

Anúncios